sábado, março 12, 2011

Novas alternativas para velhas fonéticas!



Dirias o que sobre, outras poesias,
que não sei compor,
Me diria; sobre ouvir outras palavras?.....
se há, que há, sentido à outras palavras!

dizia assim, talvez amanhã
direi outras coisas,
diferentes de adeus e hierogliphos
cada qual carrega a fantasia que escolhe...
deixa pra lá a cor da blusa!
manda ver na kamaradagem...
não sei mais escrever!

legal, finalmente não sei mais nada!

não saber é a necessidade
do principiar o vir a fazer!

será_vil!
será_sei_lá....

boring
fuck
dead.

Sei la eu,
o "Q"
sei lá.

mas vamos lá
salve! o que nos salva
da intriga!

Sabe-se o que nos engana....
Sabe-se lá o que.
Quem sabe esquece o verbo
reescreve o TAO,
reinventa o esquecido.

quem sabe amanhã
não me arrisque a sonhar
de novo o dia a dia....pizza no portão;
um mundo cor de rosa!..porta á fora".

sei lá por onde....

Então tá!...
....invisto no sei lá...
- tá legal?

sei lá!

Um comentário:

Jasanf disse...

Querido escritor, há um presente para ti no meu blog Lectando-me! Se quiser, pegue-o, pois foi feito com carinho para ti.
Abraço,
Jasanf.