quinta-feira, dezembro 31, 2009

terça-feira, dezembro 29, 2009

quarta-feira, dezembro 23, 2009

Simples.

Sometimes, alguns:

ficam órfãos,
outras rebeldes
...alguma coisa,
nem nada assim!.


barbies de verdade
pulsam corações de plástico ,
sangue e silicone....
Fazer o que?


senão, bem quereres;
boas festas.
feliz qualquer coisa.
....é assim mesmo?


nem todo mundo pensa igual!
110%!
Toma jeito moça !



P.S.: àgua tem gosto de Deus!

sábado, dezembro 05, 2009

Possibilidades escusas! ... Ainda ... Hiato

voltei
não sei, porque:
voltei!

Vai ver porque
tinha que amar
muito mais do que
deveria!.

sei lá talvez, "olvidar" me!
e, você sem saber
no minímo quem eu era, ali!

Só fantoche de fantasia
qualquer coisa querida
sobre a lembrança de
ter amado docemente!

Feito arcanjo amando alma!

nós, esquecendo amores possíveis,
sós como podemos ser...
outros na fantasia de outros!

outros em,
incofundíveis
outros.

será que é?


sexta-feira, dezembro 04, 2009

Hiato

Deus me livre!

é tudo Tempestade,
ratoeiras, meias palavras
ilusões de que agora vai!

Desistir parece
mais fácil agora.
Tá legal,
Fui!.....

terça-feira, novembro 24, 2009

Eu vou morar lá, aonde você morava..... (an Evil Pagode Mix)


Depois que você se elegeu,
virou bacana,
foi morar do outro lado do tunel
largou a posse e foi curtir a gávea.

Eu vou morar lá, aonde você morava!

Da sua janela você vê
Ratos,
cobras e lagartos
daqui só vejo:
antas e capivaras.

Eu vou morar lá, aonde você morava!

Outro dia uma jaguatirica,
se mudou à seu porão, sei que
baratas tambem andam por lá
é por isso que

Eu vou morar lá, aonde vc morava!

planos de expansão imobiliaria
qualidade de vida para o cidadão
horizontalizar as cidades.
já que você entrou mata a dentro...

os vizinhos viraram jararaka!

Eu vou morar lá, aonde você morava!




sexta-feira, novembro 20, 2009

Na Paz...

curte ai!
o que merecer.

e o que não,
faça de conta,
que foi:
divertido!




sexta-feira, novembro 13, 2009

Tesouros da Juventude XV - O Desejo dos Ímpios Perecerá?!.

Louvai ao Senhor.
Bem-aventurado o homem que teme ao Senhor,
que em seus mandamentos tem grande prazer!

A sua descendência será poderosa na terra;
a geração dos retos será abençoada.

Bens e riquezas há na sua casa;
e a sua justiça permanece para sempre.

Aos retos nasce luz nas trevas;
ele é compassivo,
misericordioso e justo.

Ditoso é o homem que se compadece, e empresta,
que conduz os seus negócios com justiça;
pois ele nunca será abalado;
o justo ficará em memória eterna.

Ele não teme más notícias;
o seu coração está firme,
confiando no Senhor.

O seu coração está bem firmado,
ele não terá medo,
até que veja cumprido o seu desejo
sobre os seus adversários.

Espalhou, deu aos necessitados;
a sua justiça subsiste para sempre;

o seu poder será exaltado em honra.
(112)
O ímpio vê isto e se enraivece;
range os dentes e se consome;
o desejo dos ímpios perecerá.


Pai by Sara Evil

quinta-feira, novembro 05, 2009

Sobre Comentários e Idéias Primais


Nada assim, tão!
só resultado
das estupefacções
da coragem
diante a miséria.

sábado, outubro 31, 2009

Ponto G...Cowboys do more dope!



Passo a passo
o limo vai tomando das novidades
o marasmo que constroem nas ruínas....
oito e meia da noite ninguém,
ainda me disse palavra alguma.

ninguém para afirmar
quem é a bola da vez.
...qualquer coisa entre
o taco, a bola & o Kaos do big bang.

ou, outra coisa que nunca
veremos amanhã ao meio dia e meio!
na miserável fila do curral eleitoral
na politica local.

serão? notas de $1 real...
só moedas tilintando ao mármore
no balcão dos angurrientos?
...nada de filet au poivre.

Será, a poesia?
tão efêmera
quanto o poeta,
rotineiro de meias palavras,
redundante na temática marginal
será? poesia ou,
a pretendência de poetar?

...ah num phode
quero só!
fazer hakais
meio versos....

4:3...16:9...2.35:1
meia poesia;
meio é sempre.
meio caminho para
porra nenhuma...

entre o é, e o seu é!
assim tão vulgar...
simplório como afirmar-se ser
"sick like a Tom waits song"
diria...
quem não quer falar nada,
fica quieto disfarçando
a dor de rir-se!

é poesia? então toma o verso
tão torto como o que
não conseguimos imaginar.
uma palavra se quiser pode valer
mais do que qualquer coisa.
ou menos do que ser alguma coisa,
imaginada!

palavra pode valer
uma só palavra e aí?
... valer-se de que?
o que é a vida se não
vestir-se do custo do amor?

mais de meio caminho andado
e ainda não chegamos a lugar algum...
aonde levarão estas arqueologias?
aonde levarão estas crenças primitivas
...sabe-se lá, não entendemos o mundo.

nutrir-se de cada fatia dessa
lazanha empanada
....assim como corpos mortos
que não contam estórias
mas, dão bons assados!

música de cowboys...
rodeios,
são câmaras de torturas
...como sub-empregos,
falsa promessa de,
libertação da miseria...

madre dulcíssima,
salva minha anima!

.....talvez amanhã
eu troque de calcinha!...
disse ela desprezando,
a idéia de multi-orgasmos!

Gozar, é não ter mais fome!

quarta-feira, setembro 23, 2009

domingo, setembro 20, 2009

Nostalgia!....fica o, dito pelo não dito!

será que tenho,
que lembrar de
alguma coisa que
não tenha dito?

quarta-feira, setembro 16, 2009

Nada importa se,
não encher-se de éter,
livrar-se das animas!


desculpa. escapou!


terça-feira, setembro 08, 2009

O Caminho para a Tirania - Presente do Akira


"O Governo precisa de uma crise para convencer o povo a aceitar a redução da sua liberdade em troca da sua segurança. Essa é a realidade cruel. As força malignas do governo global estão
criando, treinando e protegendo redes de terroristas pelo mundo afora. "

11/9 O Caminho para a Tirania

"911: The Road to Tyranny" documenta a pérfida história de governos orquestrando ataques terroristas contra seu próprio povo afim de amedontrá-los até a total submissão.
Neste brutal relato você testemunhará o nascimento de um estado policial mundial que ultrapassa o pior pesadelo já criado por George Orwell (1984). Está tudo aqui: a história do terrorismo patrocinado pelo governo. A implementação do controle baseado no
medo e, o mais aterrorizante de tudo, os planos da Nova Ordem Mundial.

Podem baixar este documentário completo no link abaixo onde tem 3 partes de 1 hora cada.

sábado, setembro 05, 2009

Peposo's Fake Menage!



não exagero,
na perversidade
da piada....

II

Que os há lás,
me perdoem!

terça-feira, setembro 01, 2009

Amor de novo!...será que está ficando monótono amar!

Não se sinta
ameaçada
pelo amor.
Ame!
Não vou escrever,
nada.
me fugiram
as palavras!

terça-feira, agosto 25, 2009

Amor



O amor está em sí!
depois em mi!
e, lá em sol.

segunda-feira, agosto 24, 2009

Fico assim,
te procurando.
Fico assim,
Lêdo Engano!

Alí,
em algum lugar,
entre, San Diego e
a Rua da Alfândega!

Para o Romano.

domingo, agosto 23, 2009

The True Pirana Soup + Alphabet song..qrs!



quero, quero,
sopa de piranha,
seu Nero!

com bonequinho
amostra grátis
quero porque,
quero!....piranhagem!


quinta-feira, agosto 20, 2009

Fuck!

Akiro é akiro?
Akira?
- fala aí!

À Kiro é aquela coisa
com balança que desconta
o peso do prato?

Mandarins à parte!
Mandrake! Akira!
áfrica aqui!

Quatro ternários,
trios! que falam nada.
P'ra pecar,
quebro o verso!


comment est cette
histoire de Babylone?

quarta-feira, agosto 19, 2009

Trio Final!


You Can Leave Your Hat On
!

Piada de Botequim....amor em vão

Nossos momentos felizes
foram bem melhores,
do que o desprazer de encontar
ossos na coxinha de galhinha.

posso crer?

hakay Sincero...coisa de xina maluco!


You can run but
you can'ot hide!

prazer ousar te amar!


terça-feira, agosto 18, 2009

Lucilette!..Imagino isso uma piada..quer mais um "T"?...rs

bom lembrar
que a vida está,
além da verdade
aquém da arte!


Ninguém sobrevive
sem viscerar as víceras
preservar é mote ecológico,
então, save your
entrails.


if true, now write the right girl


domingo, agosto 16, 2009

Sintético! (final cut)




Eu palanejo assim
e, acaba...
daquela maneira.

pleno em necessidades e,
ocô aonde cabe a ocura!


quarta-feira, agosto 12, 2009

Morning Dew!

Coca Cola on the rock's
vai ouvir bob dilan no ipod.

Diga! Como você quer que escreva o elogio à sua presença?

Diga assim, sem palavras
de qualquer maneira
de qualquer outro jeito,
gruindo, rindo...maledizendo.

Mas diga!

Qualquer outra palavra,
nunca dita,
não sei se há?
mas não duvido.

Sabe-se lá, como a lingua
irá bater nos dentes,
talvez rock, hip-hop,
aerosmith ou faith no more?

Quem sabe entre nacos
de pão francês, mortadela
e, goles de coca-cola:
no café da manhã.

Sabe-se? o que a lingua planeja,
para ontem no meio, dessa urgente
geografia psicosomática;
não quero reviver... mesmas palavras.


sábado, agosto 08, 2009

Space Rock!



cada pedacinho do mapa,
pontua o estado
até marte é a coisa
mais bonitinha do pai.

e você não consegue,
fazer que queira:
- morrer por você.

revirando diários

Retiro Espiritual (Fat_Ego Mix #392A)

A Vida não vai ser em vão,
a Arte vai ficar!

sexta-feira, agosto 07, 2009

Nua

ela quer ficar nua,
celebrar a vida e nem
pensar em enganos.

ela quer ficar nua
ser vista como venus imaginária,
serviçal de afrodite
tocada dos pés a cabeça!

ela quer ficar nua,
desfazer-se de tecidos e rendas,
não ter como esconder,
seus pêlos
e desvarios.

ela quer ficar nua
não pra qualquer um.
mas para alguém,
que a faça sentir-se ninguém.

quarta-feira, agosto 05, 2009


Quanto mais eu falo

menos desarvoro a dizer!

Já foi num lugar bacana pra ficar ouvindo um som?


se não, vá.
escolha como ouvir
,
ou se quiser só veja,
dê uma olhada.

terça-feira, agosto 04, 2009

i don't be your! "mine is not your ...final cut"!

Meninas que sequer
respondem por sí, já falam
a língua da devassidão alheia,
sweet home copacabana!

on the wall in a red house
the blues die in a risin'sun...
de manhã, vontade de fugir daquí,
ganhar estrada.

descobrir o que na verdade,
é não ter nada a perder;
...miojo roubado cozido na lata,
sobre a fogueira de papel.

Pois é depois dali,
deixar de existir.

quinta-feira, julho 30, 2009

Verso Ultrapassado

Ah! eu queria cantar
que nem o James Brown
ser Mrs. Dinamite, the king of soul
outro assim a berrar i feel good.

we feel nice?



we feel some?

A Gente Vai Ficar Surdo - Rogério Skylab & Orquestra Zé Felipe




terça-feira, julho 28, 2009

domingo, julho 26, 2009

Gravidade




O que conduz a trilha
das emoções baratas, são
os arrastos ao desgastado piso
que clama aos pés a gravidade.

Seria crase que caberia?
às sublimações adolescentes,
seria o chão que se acabaria aos pés
num gozo contido, para não atrapalhar a novela?

Seria eu? ou outro?
diante do espelho dessas aflições
que conduzem à maturidade.
a certeza de ter visto,
a dúvida de não poder ter visto
o que na verdade não interessou.

Outro dia assim... lembrei da lua.
no espaço não tem gravidade.
nada clama aos pés,
onde iremos se não há trilha,

como ficam as emoções baratas?

desordenadas em múltiplas coordenadas,
dando porradas em estrelas,
como mulheres estimuladas
em suas mais íntimas sensações.
e, a gratidão pelo receber
o prazer de ter oferecido-o.

é simples, basta estar.
esquecer que urge,
à astronautas estarem
ancorados a nave mãe.

Afinal...isso não deve ter tanta gravidade!

To a Lyzard.

sábado, julho 11, 2009

Tesouros Da Juventude XIII .... as "urgentes ideias sensacionais" de Nina Blue..super mix carioka!


Espelho, espelho meu...

"Minha menina está crescendo, está ficando vaidosa e reservada com seus sentimentos. Seu mundo interno já não me acomoda mais. São outras as suas questões e opiniões. É preciso sair do meu colo.

Minha menina se olha no espelho buscando um outro rosto, um outro jeito de ver e de ser observada pelo mundo. Enquanto a terra gira, os dias vêem e vão como um flash, minha menina procura urgentes ideias sensacionais. Algo como mudar o planeta e toda essa gente que o habita, que o desfaz sem consciência alguma.

Minha menina percebe que eu envelheço e se espanta. Lembro que é assim mesmo e ela pede para rever as fotos antigas, como se o tempo pudesse parar no instante mágico das imagens captadas. Fica perplexa ao descobrir que se parece comigo e que "possivelmente" estará do mesmo jeito aos 50 anos. Fica estática olhando meu rosto...

Minha linda menina, a vida te promete muitas aventuras e acontecimentos inusitados. Te promete muitos dias pra compartilhar com pessoas comuns e espetaculares.

Minha vida em sua vida, agora segue com outro argumento, de dividirmos o que juntas generosamente nos ensinamos."


quinta-feira, julho 02, 2009

Eu pago mico mas não pago ingresso!




eu to instável
não fala meu nome
sequer meu sobrenome
eu pago mico
mas não pago ingresso
sodomita herege!

sodomita herege!

que outra forma
de falar,
o fallu não erege,
eu pago mico
mas não pago ingresso
sodomita herege!

sodomita herege!

Papo furado
vou parar de humor negro.
eu pago mico
mas não pago ingresso.

sodomita herege!

terça-feira, junho 30, 2009

Loving the death!...a necrofilia da arte....amanhã tudo isso será uma besteira e os cadáveres se revirarão em seus sepulcros caiados.

Quem nasce?
um novo ídolo?
um compositor de clássicos,
um desmistificador ordinário?
Chega de Mortes!
Gracias a la vida!

sexta-feira, junho 19, 2009

Química

No dia em que
olhar a química
como um químico
a vê...

saberás certamente
que a vida é melhor,
por ser irremediável.

....podia ser 1, 2 quadras mas essa besteira tem sete imaginaveis frases....não sei em que ela se diferencia de outras besteiras!

domingo, maio 31, 2009

Emo-Mail .... (Alguem pode me explicar o que quer dizer isso?)




... Pois é já meio dia e estou indo ao fogão tecer fio a fio o que me alimenta e faz com que o saber sofrer calado insista em me manter vivo falando disparates entre as letras desenhadas nesse teclado que já não me esconde os segredos de seus caracteres especiais.

Saúde.


Se carecer de acentos, assente-se!

sábado, maio 30, 2009

Revelação


Ácaros e centenas de
DVDs na gaveta!
macarronada apimentada
sem queijo ralado.
depois o suplício da louça,
da esponja, e o escárnio
do detergente à gordura.

Deus revela-se pela monotonia.

domingo, maio 10, 2009


Houve uma época,
que nem lembro mais,
de sensações aquáticas,
ecos de emoções,
que ninavam
um sono embrionário embalado,
por uma doce voz distante,
contando estórias e sonhos,
sobre o que eu viria ser...

lembro da marca indelével,
que persiste por todos esses dias
de um sentimento, meio aos sussuros
que vibravam do corpo que me abrigava.

O Amor de minha Mãe!

sábado, abril 18, 2009

Ceci n'est pas, n'est pas.

macunaíma da cara preta isso não é uma buçeta!
nem ao menos te ofereci a carne de minha pele
para que em fuga a vomitasse num lago!
impregnado de Iaras e olhos d'água.

invisiveis refletindo,
as profundezas de um universo
ainda desconhecido, cheio de transferências,
ledos enganos e certezas de amores em vão!

Coisas futeis à colorirem
de rosa o que dilacera,
antropofagia urbana,
vivenciada.
quem sabe como se supos ...


ou...

como suporia o fiel de alguma
balança, psicometrica,
fauno kulthural a abusar-se de musica
e outras artes menores!

Como, Leonardo a rir-se de Mona:
- Karkará pega mata e come!
Àgua de beber, Karkarah!

sexta-feira, abril 17, 2009

Mãe





Tudo do que,
que faço....faço,
por minha mãe!

quarta-feira, abril 15, 2009

Who is the Word?



Quem sou eu que,
não sei pronunciar
a dita cuja.

a não ser pela lábia,
erronêa dos
que não sabem falar.

labios leporinos,
soprando as labiodentais
fanhosos de freio preso.

...só, isso fonemas errados
e o total desconhecimento
do que se diz.


sábado, abril 04, 2009

Word Kebab!....al aceto balsamico di modena.




não tenho palavras,
pra dizer o suficiente sobre o
linguajar das espécies perdidas,
muito menos aos vindiços.

Quem sabe das presentes,
possa dar alguns palpites,
fazer observações
esdrúxulas, suficentes,
para ninguém levar a sério!

Palavreados, carecente de frases.
Vazios, desgastados pelo tempo,
carregados de abditórios
e lembranças atemporais.

De novo a palavra se fala, amoral,
contradizendo a si mesma,
como se houvesse uma multidão
tagarelando na cabeça...
assuntos nem sempre congruentes.


Air Guitar:
Dream Syndicate - Medicine Show


quinta-feira, março 26, 2009

sábado, março 14, 2009

Beleza......

Beleza é, qualquer coisa
diferente da midia.
As vezes um bikini minímo num corpo suado
outras,
uma camisinha furada num gozo kamikaze!

Beleza não é aquilo que idealizamos e,
as vezes se perde num timido olhar generoso
ou quem sabe na afirmação:
- quero te dar!

Beleza pode ser vontade de ser generoso
calar a crueldade de desamar,
mas nunca o que a mídia propõe
beleza pode ser alguma coisa assim
Desafinar aonde a canção é perfeita,
pedir para ser levado para casa
quando se encontra desenganado.

Beleza pode ser o gloss nos lábios,
a assadura entre as pernas
a carência do calor de coxas
numa noite fria
a rejeição do olhar e,
a aceitação incontrolável do desejo.

Beleza é assim qualquer coisa
estranha aos sentidos
o feio amado,
o belo odiado.
...beleza é o que não é
pecado ateísta,
permissividade religiosa,
coisas assim
solo de soul music:
Killing me softly.

Beleza é a relatividade da feiúra
bem querer no meio da madrugada
ódio ao acordar,
mal querer por uma calcinha mal escolhida
ou uma roupa mal vestida
...beleza é meia noite solitária ou,
meio dia perdido num shopping sem grana.

Beleza é....e o que será que não, o, é?

quarta-feira, fevereiro 25, 2009

Afinal, um ouvido ouve o outro!

De tanto resistir enfim, entregou-se
extenuado aos sentimentos.

quarta-feira, fevereiro 04, 2009

domingo, fevereiro 01, 2009

sábado, janeiro 24, 2009

Será?...as vezes me ocorrem questões absurdas ...mas vá lá!

Fálicos anais é,
que sabem do
prazer de fazer:
- cocô!

a palo seco!

domingo, janeiro 11, 2009

Provébios Latinos...Diz a lenda!


I

Saepe carent multa responsis verbula stultalatim.
Balbus balbum (rectius) intellegit.
Ibi nihil, parumve pacis, ubi mulier viri partes sibi arrogat.
Ieiunus raro stomachus vulgaria temnit.
Gaudeat illa domus, quando bonus est ibi promus.
Caelos non penetrat oratio, quam canis orat.
Obscurum vestis contegit ampla genus.
Laesa saepius repugnat ovis.

II

À palavras loucas, ouvidos moucos,
Cada qual com seu igual,
Triste da casa em que a galinha canta e o galo cala,
À boa fome, não há o mau pão,
Pela casa se conhece o dono,
Oração de cão não chega ao céu,
Com bom traje se encobre a ruim linhagem,
Cada formiga tem sua ira.

quarta-feira, janeiro 07, 2009

Dried up, Tried up, Dead to the World!

Faz tempo que a palavra não me ocorre,
o teclado mudou de forma,
o silencio se calou tantas vezes,
que nem parece que esteve por aqui
falando coisas que nunca quisera ouvir.

Uns dizem que não é bem assim e,
que ainda há uma longa e embrionária viagem
para dentro do que ainda parece desconhecido,
estranho como carinho de uma filha de ninguém...
gemido de menino palestino,
ferido por estilhaços de bombas de alta tecnologia.

Um dia o sol baterá à sua porta,
então tudo se tornará diferente do que esta
reles esperança de dias melhores,
que embala os sonhos e entorpeçe a compreenção
presente, dissidente ao passado e ao futuro.

Quem sabe um dia amanhã,
o jogo favoreça os que não apostaram,
refaça o diálogo entre os nós,
quem sabe um dia não haja mais sistemas inadimplentes?
e nem capitalismos ordinários, gananciosos planejando
ganhar ainda muito mais por muito menos.

Ou talvez a fome seja só a lembrança,
de que o almoço foi a horas atrás
e não o resquício de dias e dias
lendo receitas para enganar o estomago
com a imaginação e os indecifraveis sabores
da cozinha contemporanea.

Talvez o trânsito de dados
congestione a rede,
bloqueando a grande fantasia
de estarmos alimentando a cultura,
obsoleta para as próximas gerações
apenas fatos descritos em paginas pedagógicas....
alimentando não se sabe a quais escusos interesses.

Quem sabe misantropos desistam,
de suas obscuridades e favoreçam o pleno
fluxo de suas afetividades..quem sabe nada!
perdido pelo esquecimento de salvar o arquivo...
palavras que nunca voltarão, perdidas na memória.

Então....
vamos dançar la bamba...
e.... twist'n'shout!

Air Guitar:
Hot Tuna - Death don't have no Mercy